Não deixe que o tempo o prenda

Repetidas vezes, caímos no impulso de imaginar possíveis cenários futuros. Contextos que anelamos mais do que tudo em nossa vida. Saiba como se sobressair em todos os momentos com os seguintes versos.


"para mostrar, nos séculos vindouros, a suprema riqueza da sua graça, em bondade para conosco, em Cristo Jesus." Efésios 2,7

Repetidas vezes, caímos no impulso de imaginar possíveis cenários futuros. Contextos que anelamos mais do que tudo em nossa vida. "Eu quero viajar pelo mundo. Morro de vontade de conhecer Paris, a Torre Eiffel, o Egito e suas pirâmides."

Outras vezes, o que ouvimos é algo como "adoraria ter uma mansão para viver tranquilamente". Lugares imaginados e maravilhosos onde poderíamos aproveitar a vida de maneira bem diferente da qual estamos acostumados.

O que nos motiva a ancorar nossos anseios em um futuro incerto? Que sensações impossíveis de alcançar deveríamos transformar hoje? Seu futuro deveria estar em segundo plano porque é o resultado de um conjunto de decisões que afetam diretamente você e seu ambiente. Consequentemente, a sua realização e o desenvolvimento do seu ser se unem no plano de Deus.

Publicidad

"O que foi é o que há de ser; e o que se fez, isso se tornará a fazer; nada há, pois, novo debaixo do sol." Eclesiastes 1: 9

Seja qual for a razão, muitas vezes nos encontramos em profunda perplexidade sobre os acontecimentos do nosso passado. Em algum momento de nosso crescimento, como seres do Senhor, tomamos decisões das quais hoje nos arrependemos. Pecamos e contradizemos a palavra de Jesus Cristo. Consternados, podemos dar desculpas e justificar nossas ações, através de mecanismos pecaminosos que pervertem nosso senso de verdade.

Como é fácil cair na tentação de dar pouca importância a essas coisas. Ansiosos para entender o que aconteceu, persistimos em encontrar atalhos para seguir em frente. Soluções vazias que nos permitiram continuar sem hesitar.

"Guardo no meu coração as tuas palavras para não pecar contra ti". Salmo 119: 11

Conseguiremos ir crescendo a partir desse final curioso. Esse mesmo que nos deixou de pé, mas não nos permitiu enxergar o outro. Que jamais contemplou o próximo. Então amaldiçoaremos todos os momentos que vivemos, sem poder suportar a realidade de que faltamos com a sinceridade. O fato de não ter escutado o que o coração dizia. 





“Nisso exultais, embora, no presente, por breve tempo, se necessário, sejais contristados por várias provações, para que, uma vez confirmado o valor da vossa fé, muito mais preciosa do que o ouro perecível, mesmo apurado por fogo, redunde em louvor, glória e honra na revelação de Jesus Cristo; ” 1 Pedro 1: 6-7

Ninguém vai lhe julgar por causa do seu passado. Neste presente, seremos rotulados como sonhadores inocentes. Nós, filhos de Deus, somos guiados somente pelo Espírito Santo. Acreditamos que a única realidade possível é aquela que nos permite reprimir nossa angústia, apartando-a daquele horizonte de tentação. 




Artigos anteriores

Elimine a ansiedade de suas decisões

O caminho está cheio de verdades

O perdão: A cura universal