Descobrindo o verdadeiro amor

A fim de compreender a imensidão deste amor único, devemos abrir nossos corações. Explore o artigo a seguir e comece a se sentir de uma forma única.


"Tu me dás o teu escudo de vitória; tua mão direita me sustém; desces ao meu encontro para exaltar-me. Deixaste livre o meu caminho, para que não se torçam os meus tornozelos." Salmo 18:35-36

Ser capaz de contemplar que em cada momento da jornada de nossa vida estaremos lidando com mudanças e recebendo situações em que muitas vezes não estamos adequadamente preparados, nos faz compreender o valor que o Espírito Santo tem para nos iluminar. 

Deus estará sempre ao nosso lado apoiando e guiando-nos com Suas bênçãos e glória eterna.

O Senhor nos mantém em constante evolução e auto-aperfeiçoamento. Este tipo de desafio nos faz continuar aprendendo uma lição muito oportuna em cada momento de nosso trânsito pelo caminho do Espírito Santo.

Este tipo de crescimento nos faz passar pelos processos de cura e de amor em harmonia com a Fé. Receber novas oportunidades com abertura, e estar esperando o que está por vir, nos permitirá avançar em direção a novas direções, onde o Pai Celestial nos espera. Deixe-se surpreender e tenha esperança e curiosidade sobre todas as bênçãos que o Senhor tem pronto para você.

Publicidad


"Deus é o nosso refúgio e a nossa fortaleza, auxílio sempre presente na adversidade." Salmo 46:1

Aprofundar e nutrir nosso relacionamento com Deus e com nossos pensamentos é um caminho que vale a pena percorrer. No horizonte, podemos encontrar múltiplos caminhos que nos ajudarão a evoluir como seres de luz.

Manter nossos olhos abertos e nossos corações abertos pode nos proporcionar uma oportunidade de conhecer certas pessoas que podem nos ajudar a nos conectarmos com a Fé.

Abrir o leque de possibilidades para formas mais ricas e profundas de incorporar a luz de Deus em nosso ser interior será um caminho alternativo para descobrir o verdadeiro amor do Espírito Santo.

Valorizar o que é bom e transformar o que não é tão bom nos fará crescer como pessoas: a marcha constante fará com que todos aqueles aprendizados que incorporamos do Senhor em nossos corações sejam duradouros.


"Em ti quero alegrar-me e exultar, e cantar louvores ao teu nome, ó Altíssim." Salmo 9:2

Geralmente podemos avançar em nossas vidas, esperando nos aproximar cada dia mais na busca consciente da felicidade.

Felicidade não é sinônimo de alegria. Longe de nós pensar que ser feliz significa ter um sorriso no rosto o tempo todo.

A chave neste momento é a atitude que tomamos em relação à vida e seus cenários de conflito. Desta forma, poderemos olhar para todos os problemas que consideramos insolúveis hoje com um olhar diferente e uma abordagem diferente de esperança e fé.

É por isso que Jesus sempre ficou feliz em tornar presente a Palavra do Pai Celestial. Muitas vezes as adversidades pelas quais ele passou nos deixaram exemplos claros de como devemos seguir em frente diante diante do olhar do Senhor.


"A alegria do coração transparece no rosto, mas o coração angustiado oprime o espírito." Provérbios 15:13

Se pudermos prestar mais atenção às pequenas situações que fazem nosso dia valer a pena, podemos desfrutar as bênçãos do Senhor de uma maneira diferente.

Tendemos a correr pela vida, perseguindo um objetivo firme e específico, alheios ao resto do universo ao nosso redor. 

É hora de abrir seu coração e deixar entrar o amor que o rodeia e que vem do Espírito Santo.

Você o encontrará em pequenos gestos e situações, em pessoas que estão ao seu lado e que muitas vezes você não reconhece como pontes de transformação espiritual.

Devemos enumerar todas as bênçãos que recebemos todos os dias do Pai Celestial. Poder agradecer a Deus em oração por todas estas criações, nos permitirá conectar com a felicidade e o amor que está dentro de seu ser.

É um pequeno passo a dar, permitindo que você se expanda e cresça profundamente em sua conexão espiritual.





Verso diário:


Artigos anteriores

Um equilíbrio justo e necessário

Orações e Preces do mês de Dezembro

Dezembro: O Mês do Milagre Universal

Perdendo o caminho